Matuê

"Banco"

[Letra de "Banco" com Predella]

[Refrão: Matuê]
Ela me olha e vê um banco, um banco (Banco, ayy)
Tijolão de notas no canto (No canto, woah)
Gata, eu posso ser o seu santo (O seu santo)
Mas pra te salvar vou precisar de um avanço (Yah-yah)
Ela me olha e vê um banco
Eu não sou os playboy que tu conhece
Mas chama o Tuê que acontece
Eu vou fazer chover na sua sala (Sua sala)
Eu vou te dar o que cê merece

[Verso 1: Matuê]
Safada, desceu em mim enquanto eu falava (Uh, ayy)
Penso nela quando eu tô na estrada (Ayy)
Penso nela e lembro daquela raba (Ayy, yah)
Eu não sou do tipo pra gabar (Pra gabar)
Mas, mano, tu não vai acreditar
Que toda hora ela me confunde com um banco
Como é que vai parar de tanto sentar? (Ahn)
Geral fica em choque, eu tô de VVS (O.M.G)
Todo congelado, eu sou um iceberg (Relax)
Liga pro Tuê que o jogo é sem estresse (Sem estresse)
Eu vou me coroar porque eu tô reinando a finesse
Se for pra me roubar um doce, eu chamo o mano Wes (Ayy, yeah)
Criado em Cali', eu vim pra dominar o Velho Oeste (Ayy, yeah)
.223, um tiro explode teu globo
Eu só quero ouvir o oco (Pow-pow-pow)

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #


Copyright © 2017-2020 Lyrics.lol