A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #

Quil

"Enquanto Você Dormia"

[Verso 1: Cleiton Oliveira]
Não vou dar atenção pra eles, eles são fracos
Ouvi a rima deles, e dão tédio
Sentirão o gosto do meu sangue em cada verso
Atiro melhor com a esquerda mas eu sou destro
Pesado igual Bambaataa, romântico igual Chico
Resistente como Nina, cês sabem quem é Nina?
Ou só conhece Anitta, são só batida e rimas
Cade a poesia? Virou pó e heresia
Menor foi no meu palco o seu primeiro show
Se esgoelando igual uma puta no mic
Enquanto sua mulher gemia no meu ouvido
Seu ídolo querendo fazer um feat comigo
Então respeita caralho, não dorme no meu barulho
Que eu dominei meu bagulho, respeitando geral
Sou da baixada sim, Parque das Palmeiras
Não tô pra sorrisinho e nem faço questão
Vou ver se fumo 1, já que não durmo a 2 dias
Vendo tudo em 3D, e ela de 4 sorria
Quinto gole no copo, 6 balas no oitão
7 noite virado pro santo sem procissão
Vários amigos e várias decepção
Sendo atacado por quem eu já chamei de irmão
Sigo sozinho sendo cético em questão
Integridade intacta, além dos papo de visão
Se quer K.O. vai ter K.O
Eu vi tu abaixar a cabeça quando meu bonde passou
Falo que ia pega mas não pego
Tava de cara e desarmado e teu bonde c*mprimentou
E na net quer paga de sábia
Roncando pra caralho, um dia vai se engasgar
Desculpa eu falei que não ia zuar
Sugando o sucesso dos irmão e tá achando que tá pá

[Verso 2: SOS]
Menor para e pensa
Se tu age por impulso após o ato o mesmo impulso vai te arremessar na lama
Recusei proposta, hoje sou aposta
Uum dedo médio bem dado e grandão pra quem não quer me ver com grana
Tua cara feia nao assusta ninguém
Tua cara feia é fome, tu não come ninguém
Bala na agulha e ódio na cintura
E se eu descontar minha raiva eu pego 5 estrelas
Ouça as viatura
E se a única pessoa que acredita no teu sonho tivesse
Num leito sem sorte
Um avc dos fortes
Num cara e coroa com a morte
Tu não ia ter pressa de vingar, voltar e falar
Se liga vó comprei teu sítio e pus um Porshe na garagem
Vida é viagem aproveite a paisagem
Sente na janela que o sol mais bate
Menos egoismo mais c*mplicidade
Tu nao sabe em qual estação tu vai descer e partir
Correndo certo sendo o avesso do correto eu to perdido em caminhos que vão dar no mesmo lugar
Se tu procura a luz no fim do túnel mas só vê no meio é pq eu to chegando mano é que eu ando devagar
Cê num é bandido porque porta Kenner
Cê é bandivo e no bonde você vira meme
Caguetaram tua mina nao geme
Porque ela quer um homem na cama e tem um ornitorrinco de Supreme
E a vida segue me batendo sem razão como leão surrando hienas pra mostrar quem é que manda
Se meu silêncio não diz nada quando eu pego o mic é bala
Empilho corpos e bandeiras brancas
Mas um dia a sede acaba, a gana de matar acaba e você só quer viver bem fazendo o que tu ama
Viver bem do lado de quem ama
Negro drama
Negro grana
Sos

[Verso 3: Peu CanetaBeats]
Jogador que não veste a camisa, não entra em campo
Eu não tô pronto pra ser traído
Quem fica em cima do muro vira chacota na roda
Tipo usar pistola d'água em tiroteio de bandido
A vida é um enigma, o destino é uma sátira
Perder, ganhar, vencer, lutar, crescer, se preparar pr’essa guerra
O inimigo nunca avisa quando vai atacar
Que toda inveja se transforme em dinheiro, o futuro é o agora
Estudamos ontem, praticamos hoje
U.C.L.A lek vai ficar pra história. Anota! (UCLÃ!)
Realizando sonhos esquecemos pesadelos, traçamos metas, rotas
Ou você se compromete com o objetivo da vitória
Ou você se contenta com a derrota
Quer entrar na brincadeira? Chega com o brinquedo certo
Só jogue se for pra ganhar
Não me sinto nem pastor, nem ovelha, aposto que tu tá confuso; não sabe em quem confiar
É sem piedade pro inimigo, repito: sem piedade pro inimigo
Aqui pra ser bom tu tem que ser o mais filho da puta
Até nos discursos de paz tão pregando disputa
Eu não jogo conforme as regras mandam
Só peixe morto é a favor da correnteza
O mundo é gente moendo carne de gente, alegria criada em cima de tristeza
Revolução aqui no Brasil é tipo manifestação sem causa (ignorância)
O rap é uma escola e 50% da cena hoje tá voltando pro jardim de infância

[Verso 4: Quil]
Pra ontem num dá não
Depois de muito me fuder vi que só da pra mudar o futuro
Sou mal estar no meio dessa multidão
Quando eu miro é tiro certeiro, nunca atiro no escuro
Nem tenho tanta munição pra gastar
Já tive até algum din' pra gastar
Valor do tempo entendi só depois de muito gastar
Faz um quarto do que eu fiz pra tentar me gastar
E a maioria desse mainstream, enterra
De 5 lançamentos cês são ruim, encerra
Vim de debaixo do chão, original dessa terra
Vivão nessa saga a 27 primaveras
Sobriedade, agora vivo um novo ato
De fato, tava sumido mas tem motivo o hiato
Constato em cada volta do meu mundo abstrato
Que eu tô ficando um cara cada vez mais chato
Criando no porão enquanto você dormia
Bolando planos enquanto você dormia
Atrás da graça enquanto você dormia
Vão dizer que foi sorte quando chegar o dia
Tipo num ter o mapa do tesouro e se sentir perto
Também tô atravessando um deserto
Não tô aqui pra te provar que to 100% certo
Talvez um 99, se tu não quer tu não se envolve
Vida te dá, só que depois diz me devolve
Aí me fode

[Verso 5: ZéVitor]
A terra em translação e eu me sinto tonto
A mesma em rotação hoje eu me vejo pronto
No todo a minha cabeça é o pior dos pontos
E dês'que eu a conheço não me da desconto
O universo em expansão, não sou eu que apronto
Não sou eu que desisto, embora tente tanto
O mundo na nossa mão, recebê-lo em prantos
Enquanto eu assisto vários se afundando
Sintonizar nessa track pelo decorrer
Do tempo que vem te cansando em telas de tv
Telefones e esses raps que tentam te vender
E ideias vazias já não podem te prender
Bem vindo ao próximo nível do jogo
Algumas coisas q n foram pra rolo
Se acham reis mas pra corte são bobos
Mas como bruxas me jogariam no fogo
Liricidade é um pecado pra sua inquisição
Eles querem porque querem
Não levantam um braço pra contribuição
Mas querem porque querem
Eu me despi de todos os males que pudessem me atrasar
Eu fiz minhas malas pra alcançar um bom lugar
Nossa mente cobra e os anjos mandam o recado
E o tempo se mostra bom pra construir nosso legado
Tamo montando peça a peça, sem precisar de peça ou ser ator na peça
Onde todos têm pressa de chegar ao topo e o resto não interessa
E depois eu que sou louco se vou nessa
Uns não movem nem músculos e eu por aqui já cansei de mover montanhas
Sem escrúpulos suas ofertas não contam mais nessa barganha

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #


All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics provided for educational purposes and personal use only.
Copyright © 2017-2019 Lyrics.lol