A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #

Ber Cartel

"Mariana"

[Intro]
Malandro também ama, mané

[Verso 1]
Ela é do jeito que eu pedi a Deus
Gosta de haxi, pit bulls e filmes europeus
Ufologia, beber vinho e dos versos meus
Sempre me acorda com carinho, eu amo os beijos seus
Já apertou aquele fininho e já acendeu
Já amamentou nosso filhinho e ele já cresceu
Nem lembro quando era sozinho, o pai esqueceu
Prefiro nosso amorzinho, ele floresceu
E foram noites calientes
Dias ensolarados e momentos sorridentes
Sempre do meu lado, do jeito que a alma sente
Dois anos de namoro e então nosso presente: o JP
Nem fomos pro UP, mas e daí? Eu quero nem saber
O réveillon na nossa casa é mais que eu poderia querer
Comida boa em família, o Netflix na TV
Desvendando séries, fumando baseado em série
A gente nunca briga sério, vai dizer!?
Essa vida é um mistério e eu fui feito pra você
Papo de destino
Vidas passadas, alma gêmea, Mari e Ber
Felicidade eu tenho a senha pra viver, é você
Xi

[Refrão]
Deixa o tempo passar, Mariana
Que privilégio ter você na minha cama
Eu não canso de dizer: "o pai te ama"
Oh, e o pai te ama
Deixa o tempo passar, Mariana
Que privilégio ter você na minha cama
E eu não canso de dizer: "o pai te ama"
O pai te ama

[Verso 2]
Y'all, Y'all, é
É bem mais que sexo, mas é sexo até umas hora
Trocar carícia em público enquanto janta fora
Nem pedi a sobremesa, por que quer ir embora?
Eu vou fazer a gentileza de comer você lá fora
Aquele nude no quintal
Bota ali no Spotify playlist funk nacional, vai
Depois um jazz instrumental, ai
De qualquer jeito encaixa natural
Agora sim eu penso tudo no plural
Viajar pra Orlando em família, largar o cigarro e fazer trilha
Fazer um rap de amor bem genial
Levar o João no Maraca na final, adotar uma filha
Conhecer o mundo, espalhar amor
Fazer amor, lembre de fazer amor
A gente sempre se reinventa
Agora eu vou passar dos 90
Larguei a meta dos 77
Depois do verso eu quero um boquete
Uma cerveja, coxinha e croquete
A Catuaba, o bar da Margarete
Depois te chupo e ligo um repete
Daquele jeito, você se diverte
Um pornôzinho, tipo gato Net
Bem do jeitinho que você me pede
Felicidade meu amor não mede
Pra ter você até meu santo cede
Acende o beck naquela raquete
Quero você até que a vida breve

[Refrão]
Deixa o tempo passar, Mariana
Que privilégio ter você na minha cama
Eu não canso de dizer: "o pai te ama"
Oh, e o pai te ama
Deixa o tempo passar, Mariana
Que privilégio ter você na minha cama
E eu não canso de dizer: "o pai te ama"
O pai te ama, o pai te ama

[Sample]
Mariana, Mariana, Mariana
Mariana, Mariana, Mariana
Yeah, yeah

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #


All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics provided for educational purposes and personal use only.
Copyright © 2017-2019 Lyrics.lol